12/04/2022 •
2 min. de leitura

Biometria: descubra como identificar a idoneidade do cliente

 
 

A biometria está em todo lugar. Como falamos no outro post, as pessoas andam com sistemas biométricos em seus bolsos (seus smartphones) e os utilizam para as mais diversificadas ações no dia a dia. Nisso, fica o questionamento sobre o porquê do uso intenso dessa ferramenta.

Nesta publicação, falaremos um pouco mais sobre a importância da biometria e também em como ela ajuda na identificação da idoneidade do cliente. Acompanhe!

Por que utilizar a biometria?

As respostas para isso estão na importância e nos diferenciais desses métodos de autenticação. Um dos pontos é a praticidade. Acessar um sistema com biometria, por exemplo, é muito mais rápido do que ter que digitar senhas ou códigos especiais.

Evita, além disso, inconvenientes, como o esquecimento da senha e a necessidade de recuperação dela. No caso do reconhecimento facial, a pessoa nem precisa utilizar suas mãos e pode, rapidamente, executar o que precisa.

Outro ponto é a segurança. Falsificar uma assinatura é algo muito fácil, assim como conseguir a senha de acesso a um sistema ou uma sala. Entretanto, a biometria torna a vida de criminosos e fraudadores mais difícil, como diz Felipe Nino, da ClearSale, pois requer que a pessoa específica esteja lá para finalizar a requisição. Os sistemas altamente precisos ajudam a eliminar bastante os riscos de insegurança.

Além disso, os métodos podem ser combinados para gerar maior senso de proteção. É possível estabelecer autenticação em diversas etapas, com biometria de impressão e facial, por exemplo, para combater fraudes e acessos indevidos. Tudo isso de uma forma prática e rápida, que também poupa tempo.

A confidencialidade (controle de acesso) é reforçada com a proteção biométrica. Empresas são capazes de determinar controles de acesso a salas e a aplicações, a partir de uma autenticação biométrica facial, por exemplo. Assim, é possível acompanhar exatamente quem pode obter dados delicados e sensíveis, evitando problemas e brechas que abrem portas para crimes.

Com a proteção individual, o foco na singularidade de cada pessoa e a confidencialidade, é possível eliminar custos decorrentes de possíveis problemas na proteção. A empresa, proativamente, previne as ocorrências criminosas e fraudulentas, de modo a aproveitar o máximo das relações com os clientes e da produtividade interna.

Afinal, é possível identificar a idoneidade do cliente através dos seus dados?

A resposta é sim, existem casos em que o cliente é aprovado “facilmente”. Mas quando isso não acontece, podemos utilizar a biometria para identificá-lo.
Neste caso, seguimos para a biometria facial e, se mesmo assim ele não for identificado, a próxima opção é a documentoscopia, também conhecida como biometria de documentos. Agora, se não for possível verificar a idoneidade com nenhuma das alternativas, pode ser uma fraude.

Conheça a Plataforma Data Trust

Oferecendo uma solução única e robusta para um onboarding seguro, a Plataforma Data Trust é bastante flexível, podendo ser configurada de acordo com as features que fazem mais sentido para o modelo de negócio de cada empresa. São diversas combinações para trazer máxima segurança no menor tempo de resposta.

Com dashboards de fácil navegação e administração, sua utilização é fácil e intuitiva, desde a integração, que não requer grandes esforços e investimentos em desenvolvimento de tecnologia, até o uso no dia a dia.

E, claro, como inovação e tecnologia precisam ser feitas de pessoas para pessoas, a Plataforma ainda conta com profissionais especializados na prevenção e no combate a fraudes.

Além disso, a Plataforma Data Trust apresenta diversas camadas de segurança. É o caso do 2º fator de autenticação e tokenização. O 2º fator de autenticação faz uso do Data Lake e explora a relação existente entre o CPF e o telefone, com o objetivo de enviar uma mensagem de confirmação da operação realizada para o celular ou e-mail do CPF do consumidor sob análise. Por sua vez, a tokenização faz o envio do código de seis dígitos para a validação do celular ou e-mail do cliente.

Componentes da Plataforma Data Trust:

• Behavior Analytics;
• Rating;
• Insights;
• Documentoscopia.
• Biometria Facial;
• Score de Fraude;
• Wallets;
• Device ID;

E então, o que achou do conteúdo? Ficou com alguma dúvida ou tem sugestões a fazer? Converse agora com os nossos especialistas em segurança.

Título

Ao fornecer suas informações, você declara estar ciente de nossa Política de Privacidade e aceita que a ClearSale envie informativos, ofertas e outros materiais.

Escrito por

A ClearSale é especialista em soluções antifraude nos mais diversos segmentos, como e-commerce, mercado financeiro, vendas diretas, telecomunicações e seguros, sendo pioneira no mapeamento do comportamento do consumidor digital. A empresa equilibra tecnologia e profissionais especializados para entregar os melhores indicadores aos clientes e movimentar o mercado com segurança e confiança.

Assine nossa newsletter

Ao fornecer suas informações, você declara estar ciente de nossa Política de Privacidade e aceita que a ClearSale envie informativos, ofertas e outros materiais.