18/02/2019 •
2 min. de leitura

ClearSale ajuda MadeiraMadeira a chegar aos 99% de aprovação de pedidos

Indicadores mostram, também, índice de chargebacks abaixo de 0,2%

 

A obsessão em oferecer o melhor ROI do mercado aos seus clientes mostra que a ClearSale está no caminho certo. Desta vez, os números que comprovam isso são da MadeiraMadeira, player de sucesso do e-commerce brasileiro que apresenta indicadores impressionantes na gestão de risco e no combate a fraudes.

Primeiro, um susto

Fundada em 2009 com o objetivo de vender pisos, a MadeiraMadeira começou seu e-commerce sem um parceiro especializado em gestão antifraude, e conheceu o significado de chargeback da pior maneira possível, após sofrer prejuízos que comprometeram quase 40% do caixa da empresa.

“Nossa plataforma de e-commerce nunca havia nos falado sobre a necessidade de ter um processamento antifraude de qualidade, então não sabíamos do tamanho do prejuízo que uma fraude poderia nos causar”, lembra Marcelo Scandian, CFO da MadeiraMadeira.

Início da mudança

A partir de então, a empresa começou a procurar algum parceiro especializado que pudesse dar mais segurança, não somente à ela própria, mas também aos seus clientes, principalmente com o crescimento que gerou grande escalonamento dos pedidos.

Marcelo Scandian diz que “queríamos alguém que tornasse possível ganhar escalabilidade de forma segura, sem preocupação com fraudes e outros prejuízos”.

Ação e ótimos indicadores

Após indicações de grandes players do mercado, a MadeiraMadeira optou pela ClearSale como parceiro, o que deixou a incidência de fraudes totalmente sob controle, com indicadores que hoje chegam aos 99% de taxa de aprovação e apenas 0,2% no índice de chargebacks.

“Os indicadores sempre foram muito bons, e o tempo de relacionamento ajuda a melhorá-los, pois é feita uma sintonia fina para ajuste das ferramentas às necessidades do negócio. Além disso, o banco de dados da ClearSale é muito grande, é como se um e-commerce ajudasse o outro”, complementa Scandian.

Quando se tornou marketplace, a MadeiraMadeira ficou preocupada com os parâmetros usados em sua gestão antifraude, mas o que viram foi uma melhora ainda maior dos indicadores.

“Começamos a aceitar os sellers em nosso marketplace e as ferramentas de behavior analytics da ClearSale fizeram nossos números ficarem ainda melhores”, diz Scandian.

Liberdade para vender

Além dos excelentes números de gestão de risco, Marcelo Scandian fala da importância da liberdade para focar apenas no core business da empresa. “A ClearSale tem ferramentas que impedem o fraudador de nos surpreender, pois estamos sempre um passo à frente. Além disso, não precisamos nos preocupar com a decisão, pois a responsabilidade desta gestão fica toda por conta da ClearSale”.

Para finalizar, Scandian enfatiza: “A ClearSale entende nossas necessidades como clientes e consegue se moldar para prestar o melhor serviço possível”.

Título

Escrito por

Jornalista responsável pela produção de conteúdo da ClearSale, é graduado pela Universidade São Judas Tadeu e pós-graduado em Comunicação Multimídia pela FAAP. Tem 10 anos de experiência em redação e edição de reportagens, tendo participado da cobertura dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo. Renovado após seis meses de estudo e vivência no Canadá, aplica agora seus conhecimentos às necessidades do mundo corporativo na era do Big Data.