2/11/2021 •
2 min. de leitura

Web Summit 2021: noite de abertura traz importância da tecnologia na abordagem de questões sociais e humanitárias

Primeira trilha de conteúdos do evento mostra que a conexão com os valores humanos deve redefinir a indústria da tecnologia no mundo pós-pandemia

 
 

Como era de se esperar, a noite de abertura do Web Summit, o maior evento de inovação, tecnologia e empreendedorismo do mundo, foi impactante e deu o tom dos temas que devem dominar os conteúdos da vasta programação da semana em Lisboa, Portugal.

Clique aqui para acessar o conteúdo gratuito!

Com a retomada do modelo presencial – e controle dos protocolos de segurança sanitária –, boa parte do público esperado de 40 mil pessoas viu subir ao palco nomes como Ayo Tometi, fundadora do movimento Black Lives Matter (Vidas Pretas Importam, na tradução do inglês), e Frances Haughan, denunciante do Facebook que tem causado grande discussão, principalmente nos EUA, sobre algumas condutas impróprias da rede social.

Em suas falas, ambas trouxeram à tona a importância de se abordar com transparência o quanto a tecnologia pode afetar questões sociais e humanitárias no mundo daqui por diante, ao mesmo tempo em que é fundamental conectar os dois lados desta ‘moeda’ nas decisões dos grandes players do mercado tecnológico, bem como a abordagem sobre a urgência em se promover mudanças que permitam um mundo mais justo e diverso.

Nomes influentes da política portuguesa, como Carlos Moedas, prefeito recém-eleito de Lisboa, e Pedro Vieira, ministro da Economia de Portugal, também estiveram presentes e trouxeram ao palco abordagens interessantes sobre o incentivo à inovação e à economia criativa, com destaque para a atenção às startups e ao cuidado com cada detalhe de novas tecnologias, para que mudanças realmente significativas e benéficas sejam possíveis em todo o mundo.

Além disso, introduzindo o que deve ser um dos principais temas do evento quando se fala em tecnologia, Nicolas Julia, fundador do Sorare, fantasy game de futebol baseado em NFTs abordou que é possível comercializar produtos 100% digitais por meio de NFT, uma espécie de certificado digital estabelecido via blockchain que possibilita a definição da originalidade e da exclusividade de produtos digitais tangíveis. Para diversos especialistas, os Non-fungible Tokens são a grande tendência do momento para a tecnologia.

Veja mais detalhes sobre os principais pitches do primeiro dia do Web Summit 2021!

O que o Black Lives Matter pode ensinar ao mercado de tecnologia

Ayo Tometi, fundadora do que muitos já consideram o maior movimento da história dos EUA, trouxe ao Web Summit um discurso bastante inspirador sobre o quanto a diversidade deve estar ligada ao mercado de tecnologia, e o quanto todos ganham quando as vidas pretas realmente têm importância em uma sociedade.

Para Ayo, o atual momento do mundo torna possível a utilização maciça da tecnologia para que diferentes pessoas e diferentes movimentos, principalmente os de grupos minorizados, podem encontrar a sua voz e garantir a relevância que um mundo mais justo e igualitário tanto necessita. Segundo ela, nós somos as pessoas que estávamos esperando aparecer para começar a mudar o mundo, e que o tempo de fazer isso é exatamente agora.

Ao finalizar sua apresentação, Ayo fez questão de deixar algumas perguntas ao público, principalmente àqueles que veem na tecnologia uma oportunidade de criar um mundo melhor: Por que é que estão aqui? Quem vocês pretendem ser depois desta conferência? Em que lado da história pretendem estar? Somos aqueles por quem temos esperado e temos a oportunidade de acelerar a implementação dos nossos valores”, finalizou.

Condutas do Facebook e disseminação das fake news

Pivô de uma das maiores polêmicas da história dos Estados Unidos, Frances Haugen, em uma de suas poucas aparições em público, subiu ao palco para responder perguntas sobre o que a levou a delatar diversas condutas e vazar informações que comprovavam tais procedimentos.

“Se eu quisesse ter o impacto que eu desejava em minha vida, eu teria que deixar as coisas esclarecidas em algum ponto”, disse Frances.

Haugen falou sobre a importância de a empresa passar a ter mais responsabilidade sobre o tipo de conteúdo que ajuda a disseminar, trazendo como exemplo o fato de algumas regras da rede social ajudarem no engajamento de posts polarizados, de fake news e de assuntos que vão desde brigas familiares até a eleição de candidatos em eleições ao redor do mundo.

No entanto, apesar de tudo, Frances garantiu não alimentar qualquer tipo de ódio em relação ao Facebook, e que acredita realmente na possibilidade de ‘salvação’ da empresa, desde que esta passe a trabalhar melhor as questões de segurança e privacidade de dados, além de maior atenção em relação ao compartilhamento de conteúdos não polarizados.

Relação do poder público com a inovação

Tradicionalmente conhecido também por ser um evento de grandes oportunidades de negócios para startups, o Web Summit 2021 trouxe dois nomes importantes da política portuguesa para a noite de abertura: Carlos Moedas, prefeito recém-eleito de Lisboa, e Pedro Vieira, ministro da Economia de Portugal.

Ambos falaram sobre o quanto a política deve ser capaz de fomentar a inovação, principalmente após todos os desafios encarados durante os períodos mais críticos da pandemia.

Investimentos em políticas públicas capazes de fomentar a economia criativa e propiciar o surgimento de novas startups, segundo eles, devem ser agenda prioritária para o poder público em países com vacinação avançada.

Para Moedas, toda inovação que tem relevância deve, apesar de sua grandeza, ser focada em detalhes, pois somente o cuidado com as mínimas coisas é capaz de trazer um todo realmente significativo e com capacidade de causar impacto positivo na vida das pessoas.

O que vem por aí

Siga nos acompanhando para saber o que de mais relevante acontece no Web Summit 2021!

Mais sobre o Web Summit

Realizado pela primeira vez em Dublin, na Irlanda, o Web Summit migrou para Lisboa, capital de Portugal, a partir de 2016. Em 2020, por causa da pandemia do novo coronavírus, o evento foi realizado de maneira totalmente online, atraindo um público de mais de 100 mil pessoas.

De volta ao modelo que o consagrou, o evento é esperado com bastante expectativa, já que, em um momento que ainda traz incerteza para muitos setores, fundadores e CEOs de empresas de tecnologia, startups, políticos influentes e chefes de estado estarão reunidos para ajudar a esclarecer quais os próximos passos do mundo.

Papel da ClearSale

Sempre em busca de movimentar o mercado e ajudar empresas e pessoas a prosperarem, a ClearSale tem a convicção de que uma de suas missões é democratizar o acesso à informação relevante, e a cobertura do Web Summit 2021 é mais um passo nesse processo, que é contínuo.

Aproveite!

Converse agora com os nossos especialistas em segurança:

Escrito por

Jornalista responsável pela produção de conteúdo da ClearSale, é graduado pela Universidade São Judas Tadeu e pós-graduado em Comunicação Multimídia pela FAAP. Tem 10 anos de experiência em redação e edição de reportagens, tendo participado da cobertura dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo. Renovado após seis meses de estudo e vivência no Canadá, aplica agora seus conhecimentos às necessidades do mundo corporativo na era do Big Data.