16/10/2020 •
2 min. de leitura

CIP e ClearSale criam plataforma antifraude para o PIX

Solução foi desenvolvida para analisar os riscos nas transações e garantir autenticidade das informações no novo sistema de pagamentos instantâneos

 

A ClearSale e a CIP (Câmara Interbancária de Pagamentos) desenvolveram uma plataforma antifraude exclusiva para o novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central do Brasil, o PIX.

A solução antifraude tem como objetivo garantir a segurança e autenticidade dos dados e é direcionada para os bancos, instituições financeiras, instituições de pagamento, cooperativas e carteiras digitais que começarão a operar com o novo sistema.

Mais segurança nas transações

“Neste novo momento que o mercado financeiro está prestes a viver, a CIP traz uma ferramenta autêntica que visa aumentar ainda mais segurança e confiabilidade nas transações. A solução antifraude tem o grande diferencial em sua base de dados, uma construção impecável desta parceria da CIP com a expertise da ClearSale,” comenta Joaquim Kavakama, superintendente geral da CIP.

Trata-se de uma plataforma robusta em infraestrutura, conexão, alta escalabilidade, tempo de resposta e padrões de segurança, que atende os processos de validação no cadastro das chaves de endereçamento na DICT (Diretório de identificadores de contas transacionais do PIX), além da validação do transacional nas transferências e pagamentos utilizando PIX.

“Utilizaremos nossa experiência e conhecimento no combate a fraudes nos meios digitais para garantir a conferência e autenticidade dos dados e transações, conferindo maior segurança ao novo sistema de pagamento, às instituições financeiras e à população. A plataforma conta com os componentes de segurança da ClearSale já testados com soluções antifraude no mercado”, destaca Bernardo Lustosa, CEO da ClearSale.

Como funciona a solução

A solução desenvolvida em parceria entre a CIP e a ClearSale realiza a conferência dos dados, garantindo sua autenticidade, tornando mais efetivas as ações contra fraudes e ameaças à segurança do sistema.

As tentativas de fraudes podem ocorrer desde o cadastramento da chave, em QR Codes com URLs de fraudadores, substituindo os códigos e direcionando o pagamento para outro recebedor, bem como na tentativa de portabilidade da chave e em invasões dos dispositivos eletrônicos com o roubo das chaves.

Mais sobre o PIX

O sistema de transferências e pagamentos instantâneos, PIX, transformará as transações financeiras, que poderão ser realizadas em qualquer dia do ano, sem limite de horário e com o recurso disponível praticamente de forma imediata ao destinatário.

O serviço passa a vigorar em novembro. No entanto, o novo sistema exigirá que os participantes do arranjo PIX façam investimentos e adaptações em segurança, para proteger dados, processos e clientes.

Do ponto de vista financeiro, a plataforma também oferece isonomia de custos a todos os usuários, independentemente de seu tamanho, uma vez que a definição da tarifa é definida a partir da análise de volumetria total processada no mês (soma das consultas de todos os participantes no período).

Sobre a CIP

Associação civil sem fins lucrativos que integra o Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB). Reconhecida no mercado global, conta com um portfólio de soluções e serviços em tecnologia, inovação e segurança às transações financeiras efetivadas no País. Provê soluções que promovem a evolução do mercado financeiro e o desenvolvimento da sociedade.

Pertence ao International Payments Framework Association (IPFA), da Asociación Latina de Camaras de Compensación, do Global Payments Forum, dentre outras associações que promovem infraestrutura aos movimentos do mercado financeiro.

Em 2018, foram processadas mais de 11,6 bilhões de operações financeiras, cerca de 600 milhões de operações eletrônicas e 1,6 bilhão de transações de pagamentos com cartões para estabelecimentos comerciais.

Título

Escrito por

Jornalista responsável pela produção de conteúdo da ClearSale, é graduado pela Universidade São Judas Tadeu e pós-graduado em Comunicação Multimídia pela FAAP. Tem 10 anos de experiência em redação e edição de reportagens, tendo participado da cobertura dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo. Renovado após seis meses de estudo e vivência no Canadá, aplica agora seus conhecimentos às necessidades do mundo corporativo na era do Big Data.