4/10/2018 •
2 min. de leitura

O que fazer quando seu negócio é atingido por um ataque de fraude

Se você faz negócios pela internet, ser vítima de um ataque de fraude é muito mais uma questão de quando isso acontecerá, do que se isso acontecerá. Partindo dessa premissa, sua equipe antifraude está preparada?

 
 

Os cibercriminosos de hoje são inteligentes - às vezes mais inteligentes do que seu sistema de prevenção de fraudes. Depois de identificar uma vulnerabilidade, sua empresa é exposta. A palavra se espalha. Os fraudadores entram em ação. E os danos financeiros podem ser rápidos e desastrosos.

Como as formigas num piquenique, a notícia sobre a fraqueza de um sistema fraudulento se espalha e os fraudadores podem atacar simultaneamente um negócio - levando tudo o que podem, até que a segurança diminua a brecha. Portanto, os fraudadores sempre estão em busca do ponto mais vulnerável.

Quando os fraudadores estão avaliando a segurança do comércio eletrônico de uma empresa, eles podem:

- Testar: um fraudador pode testar a validade de um número de cartão de crédito, colocando uma pequena taxa única. Se isso acontecer, ele sabe que tem um cartão válido, abrindo caminho para transações fraudulentas adicionais (e maiores). Dessa forma, ele consegue, inclusive, saber se você tem uma regra de valores para aprovar compras automaticamente.

- Colocar ordens de baixo custose os testes de transação mostrarem que o fraudador não pode comprar itens avaliados em mais de R$ 200, por exemplo, ele poderá comprar 10 itens que custam R$ 20 cada.

- Modificar os pedidos depois da compra: depois de fazer um pedido usando os dados legítimos do proprietário do cartão, os fraudadores ligam para o centro de atendimento ao cliente da empresa e alteram o endereço de entrega. Como a maioria das empresas não reclassifica pedidos alterados, a alteração fraudulenta é processada.

Atualmente, a melhor defesa das empresas de comércio eletrônico contra ataques cibernéticos é a prevenção com um bom serviço antifraude. Pare os ataques antes que eles danifiquem sua lucratividade e sua reputação.

Defenda seu negócio contra fraudes

Para ser bem sucedido, o fraudador precisa estar longe dos olhos de seu serviço antifraude. Se o criminoso não puder fazer isso, ele vai migrar para alguma empresa que esteja mais vulnerável, ou seja, alguém que seja um alvo mais fácil.

Deixe o fraudador saber que você está observando as ações dele, não confie apenas em filtros baseados em regras de camadas para proteger seus negócios. O que funciona hoje pode não funcionar amanhã, e os fraudadores têm maneiras de identificar suas regras de fraude. Em vez disso, empregue uma abordagem multifacetada que combina tecnologia avançada, inteligência estatística e sofisticada análise humana.

Incorporar uma estratégia que inclua o seguro contra chargebacks, mantenha-se atualizado sobre as mais recentes técnicas de fraude, previsões de gerenciamento de fraudes e violações de dados, analise padrões e comportamentos em grupos de pedidos on-line e assegure-se de que seu sistema de segurança esteja atualizado.

Lembre-se: você não pode proteger seus negócios com tecnologia desatualizada. Os fraudadores de sucesso são criativos e, para evitar ataques de fraude, sua proteção também deve ser.

Os fraudadores gostam do caminho que oferece menor resistência. Se o seu sistema de proteção contra fraudes está fazendo um bom trabalho, esse caminho nunca levará o criminoso ao seu negócio.

*Artigo produzido por Sarah Elizabeth Zilenovski, Gerente de Marketing da ClearSale USA.

Converse agora com os nossos especialistas antifraude:

Escrito por

Posts de convidados da Clearsale.