27/11/2019 •
2 min. de leitura

ClearSale dá dicas para o consumidor fugir das fraudes na Black Friday

 

Pesquisar o histórico da loja e pagar com cartão de crédito são alguns cuidados que garantem uma compra mais segura nesta data tão importante do varejo

 

 

A Black Friday deve movimentar mais de R$ 3,5 bilhões em compras no comércio eletrônico este ano. Para garantir boas ofertas e não cair em tentativas de fraudes na data mais esperada do varejo eletrônico, é importante ter cautela e tomar alguns cuidados para evitar golpes e ter mais tranquilidade durante as compras.

ClearSale e Compre&Confie divulgam resultados da Black Friday hora a hora

“O cartão de crédito é o modo de pagamento mais seguro no ambiente online. Ao optar por esse método em vez do boleto ou transferência bancária, o cliente consegue contestar a cobrança junto ao banco caso tenha problema com a compra, o que não é possível com os outros métodos”, alerta Omar Jarouche, diretor de Soluções da ClearSale. “É importante ainda que o consumidor faça uma pesquisa sobre os sites menos conhecidos ou suspeitos, verificando se há reclamações ou indícios de não envio dos produtos”, aconselha.

Confira dicas para comprar com segurança na Black Friday

Pesquise a reputação da loja

Verifique o histórico da loja antes de se fazer a compra. A busca é possível tanto no site do Procon, que disponibiliza uma lista das lojas que devem ser evitadas, ou ainda em sites que avaliam as lojas. Caso não existam avaliações da empresa na internet, o recomendado é evitar efetuar a compra e buscar um outro site de confiança.

Veja se o site tem a sigla 'https' no endereço

Em sites com a sigla, a comunicação é criptografada, o que aumenta a segurança na transmissão dos dados. É importante também verificar se há um ícone com referência a um cadeado na parte inferior do navegador.

Prefira o pagamento por cartão de crédito

Esta é a forma mais segura para pagamentos online. Além da operadora de crédito ter mecanismos para identificar possíveis fraudes, também é um método que permite que o cliente conteste a cobrança e solicite o reembolso do valor, diferente do pagamento por transferência bancária ou boleto.

Suspeite se o desconto for muito maior no boleto

É comum que sites falsos tenham preços muito mais baixos para pagamento via boleto, pois nessa forma de pagamento é mais difícil para a vítima pedir o estorno.

Procure dados oficiais da empresa como CNPJ, endereço físico e contato

Sites de e-commerce falsos normalmente não disponibilizam essas informações.

Instale o Compre&Confie em seus dispositivos

O aplicativo é totalmente gratuito e alerta o usuário caso seu CPF seja usado em uma transação indevida, permitindo que ele impeça a fraude ao apontar que não reconhece a compra.

Conteúdo relacionado:

Investir em segurança e infraestrutura é fundamental para vender na Black Friday

Black Friday: veja como a ClearSale vai garantir a segurança nas vendas

Veja como a ViaVarejo e a ClearSale trabalham juntas na Black Friday 2019

Black Friday 2019 deve ter mais vendas e mais segurança contra fraudadores

Título

Escrito por

Jornalista responsável pela produção de conteúdo da ClearSale, é graduado pela Universidade São Judas Tadeu e pós-graduado em Comunicação Multimídia pela FAAP. Tem 10 anos de experiência em redação e edição de reportagens, tendo participado da cobertura dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo. Renovado após seis meses de estudo e vivência no Canadá, aplica agora seus conhecimentos às necessidades do mundo corporativo na era do Big Data.