<img height="1" width="1" style="display:none" src="https://www.facebook.com/tr?id=1822643671395020&amp;ev=PageView&amp;noscript=1">

Você já ouviu falar em Digital Goods? Este termo pode não ser muito comum, mas ele pode ser facilmente traduzido para bens digitais. Este segmento engloba produtos e serviços como games e seus recursos (vidas extras e artefatos, por exemplo), serviços de músicas em streaming, e-books, softwares, entre outros. Mas, tudo que é novo no universo online traz muitos questionamentos, como: será que a segurança do meu negócio está bem estruturada para este momento? Será que há fraudadores em meio aos meus bons consumidores? Como posso evitar pedidos fraudulentos?


Novas tendências trazem novas inseguranças: Fraude em Digital Goods


Tags


Jornalista responsável pela produção de conteúdo da ClearSale, é graduado pela Universidade São Judas Tadeu e pós-graduado em Comunicação Multimídia pela FAAP. Tem 10 anos de experiência em redação e edição de reportagens, tendo participado da cobertura dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo. Renovado após seis meses de estudo e vivência no Canadá, aplica agora seus conhecimentos às necessidades do mundo corporativo na era do Big Data.

Visualizar todos os posts de Felipe Tchilian

Outras matérias que podem te interessar

antifraude; microsoft; azure; cadastros
moda; ecommerce, como montar uma loja virtual de roupas
clearcast
pix
fraudes evitadas
carteiras digitais
clearcast; podcast
antifraude; fraude; credito; financeiro
golpes no whatsapp