23/12/2021 •
2 min. de leitura

5 medidas de segurança no e-commerce para você adotar agora

Conheça 5 medidas de segurança no e-commerce que são fundamentais para as empresas contemporâneas

 
 

A segurança no e-commerce é um assunto que não pode passar batido. Sites com brechas para fraudes causam desconfiança nos consumidores, geram experiências negativas e acabam em prejuízo.

Não sem motivo todas as maiores empresas que atuam no digital colocam a segurança no topo de sua lista de prioridades. Mas saiba que ela deve fazer parte das pequenas e médias empresas também.

Neste texto, vamos apresentar 5 medidas de segurança no e-commerce que devem ser adotadas agora mesmo. Quer saber quais são e por que é importante prestar atenção nesse aspecto? Siga com a leitura para entender um pouco mais sobre o assunto.

Qual é a importância da segurança do e-commerce?

Antes de mais nada, vamos abordar a importância da segurança no aspecto de comércios e lojas virtuais. Cada vez mais, vemos mais comércios abrindo as portas - mesmo que virtualmente - e apostando todas as fichas no empreendedorismo. Por isso, o nível de competitividade aumenta.

Maior competitividade resulta em melhores preços e mais opções para os consumidores - que, aliás, estão cada vez mais adaptados e inseridos a esse cenário de compras pela internet, com mais conforto e comodidade.

Entretanto, o lado ruim é que um outro 'tipo de público' - esse bastante indesejado - também se beneficia do aumento no número de lojas virtuais. Quem são eles? Os criminosos especializados em fraudes no e-commerce.

Fraudes aumentaram recentemente

Segundo pesquisa recente da empresa antifraude Clearsale, as fraudes tentadas subiram em 32% apenas no primeiro semestre do ano de 2021, impulsionadas pela expansão do e-commerce decorrente, entre outros motivos, da pandemia do novo coronavírus.

A pesquisa fez a análise de mais de 150 milhões de transações digitais, entre as quais 2,6 milhões eram tentativas de fraude em vendas online. Por conta do caráter de coleta de dados do e-commerce, é ainda mais importante ter um sistema antifraude para mitigar esses números.

Como aumentar a segurança no e-commerce?

Agora que você já sabe a importância da segurança no mundo virtual, vamos dar dicas para deixar esse espaço virtual ainda mais protegido, evitando fraudes no e-commerce. Leia mais!

1. Faça a ativação do certificado SSL

A primeira dica para ter mais segurança no e-commerce é fazer a ativação do certificado SSL. Esse certificado digital faz a criptografia de quaisquer dados, sejam eles pessoais ou financeiros, ao serem enviados para o site.

Isso é de extrema importância para a proteção do cliente. Afinal de contas, uma comunicação criptografada permite a preservação das informações em um tempo no qual as pessoas costumam pagar com cartões de crédito ou de débito de forma recorrente.

O indicador de que a comunicação é criptografada pode ser visto na barra de navegação: o “http” muda para “https”. Esse pequeno detalhe faz toda a diferença para o consumidor. Ter uma loja virtual com certificado SSL é essencial na hora de oferecer mais segurança e credibilidade a seus clientes. Assim como uma melhor experiência de compra.

2. Proteja as retiradas em lojas

Além da segurança online, certifique-se de que o processo de retirada de seus clientes também vai ser seguro. É comum que os consumidores optem pela retirada em loja em vez do envio para sua casa, por meio de serviços de entrega e frete.

Esse momento da retirada é crucial, porque a segurança de dados deve ser observada até o último instante de contato com o consumidor. Esse cuidado assegura uma boa experiência de compra em todos os aspectos e um cliente fidelizado.

Estabeleça protocolos para retirada. Uma boa dica é a apresentação de um documento original com foto, assim como algum tipo de comprovante de compra do pedido. Como, nos dias atuais, o digital é cada vez maior, você pode pedir para o cliente apresentar o e-mail de confirmação no próprio celular. Ou, em último caso, consultar a compra e os dados no sistema da loja.

3. Troque as senhas periodicamente

Trocar as suas senhas com certa periodicidade é uma medida básica de segurança cibernética. No entanto, muito eficiente para evitar problemas. Qualquer gestão antifraude bem-feita sabe que o básico também deve ser bem feito.

Opte sempre senhas fortes na hora de proteger o sistema de seu e-commerce, e jamais utilize a mesma para vários acessos. Vale a pena ressaltar que, se houver algum tipo de problema, você vai precisar apenas recuperar uma conta, em vez de todas.

No mesmo assunto, incentive seus clientes a se cadastrarem com senhas fortes em sua plataforma. Isso inclui símbolos, letras maiúsculas e minúsculas, e números. Desse modo, as senhas de seu site serão as mais seguras possíveis.

4. Proteja os dados dos seus consumidores

Cada vez mais, se fala sobre a proteção de dados no mundo virtual como uma das formas de ser antifraude. Desde a implantação da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD), em 2018, é dever da empresa tratar os dados dos clientes de forma responsável. Assim como defendê-los.

Por isso, os e-commerces devem ter cuidado e gerenciar os dados de seus consumidores de forma a protegê-los de eventuais ataques. Atitudes como pedir apenas informações essenciais, armazená-las de forma segura e utilizar a criptografia já mencionada é essencial. Assim como deixar claro para os consumidores quais são as intenções por trás da coleta.

Desse modo, você ganha a confiança dos consumidores e evita quaisquer problemas com a legislação. Em outras palavras, mantenha os dados coletados seguros para que a sua empresa cresça sem nenhum problema.

5. Contrate um serviço ​antifraude

Por último, mas não menos importante, uma ótima dica para aumentar a segurança no e-commerce é investir em um serviço antifraude.

Assim, além de evitar possíveis ações de fraudadores, você fortalece a confiança que seus clientes têm no negócio e evita dor de cabeça. Outro ponto interessante dos serviços antifraude é a obtenção de métricas melhores e mais detalhadas em gestão de fraudes.

A segurança de dados é um tema muito discutido na atualidade. Sua relevância se dá por conta do número de pessoas utilizando a internet, o que só cresce. E com isso, há o aumento do número de golpes por meio do mundo digital. Por isso, é importante ter um bom sistema de prevenção à fraude e se proteger.

Esse assunto tem uma extrema importância e deve ser tratado com toda a atenção. Você gostou do nosso conteúdo? Esperamos que tenha sido útil para você.

Para aumentar ainda mais a segurança de sua loja virtual, teste o nível de segurança do seu e-commerce agora mesmo! 

Título

Escrito por

Jornalista responsável pela produção de conteúdo da ClearSale, é graduado pela Universidade São Judas Tadeu e pós-graduado em Comunicação Multimídia pela FAAP. Tem 10 anos de experiência em redação e edição de reportagens, tendo participado da cobertura dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo. Renovado após seis meses de estudo e vivência no Canadá, aplica agora seus conhecimentos às necessidades do mundo corporativo na era do Big Data.