23/12/2021 •
2 min. de leitura

5 medidas de segurança no e-commerce para você adotar agora

Conheça 5 medidas de segurança no e-commerce que são fundamentais para as empresas contemporâneas

 
 

A segurança no e-commerce é um assunto que não pode passar batido. Sites com brechas para fraudes causam desconfiança nos consumidores, geram experiências negativas e acabam em prejuízo.

Não sem motivo todas as maiores empresas que atuam no digital colocam a segurança no topo de sua lista de prioridades. Mas saiba que ela deve fazer parte das pequenas e médias empresas também.

Neste texto, vamos apresentar 5 medidas de segurança no e-commerce que devem ser adotadas agora mesmo. Quer saber quais são e por que é importante prestar atenção nesse aspecto? Siga com a leitura para entender um pouco mais sobre o assunto.

Qual é a importância da segurança do e-commerce?

Antes de mais nada, vamos abordar a importância da segurança no aspecto de comércios e lojas virtuais. Cada vez mais, vemos mais comércios abrindo as portas - mesmo que virtualmente - e apostando todas as fichas no empreendedorismo. Por isso, o nível de competitividade aumenta.

Maior competitividade resulta em melhores preços e mais opções para os consumidores - que, aliás, estão cada vez mais adaptados e inseridos a esse cenário de compras pela internet, com mais conforto e comodidade.

Entretanto, o lado ruim é que um outro 'tipo de público' - esse bastante indesejado - também se beneficia do aumento no número de lojas virtuais. Quem são eles? Os criminosos especializados em fraudes no e-commerce.

Fraudes aumentaram recentemente

Segundo pesquisa recente da empresa antifraude Clearsale, as fraudes tentadas subiram em 32% apenas no primeiro semestre do ano de 2021, impulsionadas pela expansão do e-commerce decorrente, entre outros motivos, da pandemia do novo coronavírus.

A pesquisa fez a análise de mais de 150 milhões de transações digitais, entre as quais 2,6 milhões eram tentativas de fraude em vendas online. Por conta do caráter de coleta de dados do e-commerce, é ainda mais importante ter um sistema antifraude para mitigar esses números.

Como aumentar a segurança no e-commerce?

Agora que você já sabe a importância da segurança no mundo virtual, vamos dar dicas para deixar esse espaço virtual ainda mais protegido, evitando fraudes no e-commerce. Leia mais!

1. Faça a ativação do certificado SSL

A primeira dica para ter mais segurança no e-commerce é fazer a ativação do certificado SSL. Esse certificado digital faz a criptografia de quaisquer dados, sejam eles pessoais ou financeiros, ao serem enviados para o site.

Isso é de extrema importância para a proteção do cliente. Afinal de contas, uma comunicação criptografada permite a preservação das informações em um tempo no qual as pessoas costumam pagar com cartões de crédito ou de débito de forma recorrente.

O indicador de que a comunicação é criptografada pode ser visto na barra de navegação: o “http” muda para “https”. Esse pequeno detalhe faz toda a diferença para o consumidor. Ter uma loja virtual com certificado SSL é essencial na hora de oferecer mais segurança e credibilidade a seus clientes. Assim como uma melhor experiência de compra.

2. Proteja as retiradas em lojas

Além da segurança online, certifique-se de que o processo de retirada de seus clientes também vai ser seguro. É comum que os consumidores optem pela retirada em loja em vez do envio para sua casa, por meio de serviços de entrega e frete.

Esse momento da retirada é crucial, porque a segurança de dados deve ser observada até o último instante de contato com o consumidor. Esse cuidado assegura uma boa experiência de compra em todos os aspectos e um cliente fidelizado.

Estabeleça protocolos para retirada. Uma boa dica é a apresentação de um documento original com foto, assim como algum tipo de comprovante de compra do pedido. Como, nos dias atuais, o digital é cada vez maior, você pode pedir para o cliente apresentar o e-mail de confirmação no próprio celular. Ou, em último caso, consultar a compra e os dados no sistema da loja.

3. Troque as senhas periodicamente

Trocar as suas senhas com certa periodicidade é uma medida básica de segurança cibernética. No entanto, muito eficiente para evitar problemas. Qualquer gestão antifraude bem-feita sabe que o básico também deve ser bem feito.

Opte sempre senhas fortes na hora de proteger o sistema de seu e-commerce, e jamais utilize a mesma para vários acessos. Vale a pena ressaltar que, se houver algum tipo de problema, você vai precisar apenas recuperar uma conta, em vez de todas.

No mesmo assunto, incentive seus clientes a se cadastrarem com senhas fortes em sua plataforma. Isso inclui símbolos, letras maiúsculas e minúsculas, e números. Desse modo, as senhas de seu site serão as mais seguras possíveis.

4. Proteja os dados dos seus consumidores

Cada vez mais, se fala sobre a proteção de dados no mundo virtual como uma das formas de ser antifraude. Desde a implantação da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD), em 2018, é dever da empresa tratar os dados dos clientes de forma responsável. Assim como defendê-los.

Por isso, os e-commerces devem ter cuidado e gerenciar os dados de seus consumidores de forma a protegê-los de eventuais ataques. Atitudes como pedir apenas informações essenciais, armazená-las de forma segura e utilizar a criptografia já mencionada é essencial. Assim como deixar claro para os consumidores quais são as intenções por trás da coleta.

Desse modo, você ganha a confiança dos consumidores e evita quaisquer problemas com a legislação. Em outras palavras, mantenha os dados coletados seguros para que a sua empresa cresça sem nenhum problema.

5. Contrate um serviço ​antifraude

Por último, mas não menos importante, uma ótima dica para aumentar a segurança no e-commerce é investir em um serviço antifraude.

Assim, além de evitar possíveis ações de fraudadores, você fortalece a confiança que seus clientes têm no negócio e evita dor de cabeça. Outro ponto interessante dos serviços antifraude é a obtenção de métricas melhores e mais detalhadas em gestão de fraudes.

A segurança de dados é um tema muito discutido na atualidade. Sua relevância se dá por conta do número de pessoas utilizando a internet, o que só cresce. E com isso, há o aumento do número de golpes por meio do mundo digital. Por isso, é importante ter um bom sistema de prevenção à fraude e se proteger.

Esse assunto tem uma extrema importância e deve ser tratado com toda a atenção. Você gostou do nosso conteúdo? Esperamos que tenha sido útil para você.

Para aumentar ainda mais a segurança de sua loja virtual, teste o nível de segurança do seu e-commerce agora mesmo! 

Título

Ao fornecer suas informações, você declara estar ciente de nossa Política de Privacidade e aceita que a ClearSale envie informativos, ofertas e outros materiais.

Escrito por

Jornalista responsável pela produção de conteúdo da ClearSale, é graduado pela Universidade São Judas Tadeu e pós-graduado em Comunicação Multimídia pela FAAP. Tem 10 anos de experiência em redação e edição de reportagens, tendo participado da cobertura dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo. Renovado após seis meses de estudo e vivência no Canadá, aplica agora seus conhecimentos às necessidades do mundo corporativo na era do Big Data.

Assine nossa newsletter

Ao fornecer suas informações, você declara estar ciente de nossa Política de Privacidade e aceita que a ClearSale envie informativos, ofertas e outros materiais.